Sunday, September 10, 2006

6

Crônicas Paulistanas
Carro Anfíbio
letra: Rogério Santos
música, violão e voz: Pituco

CLIQUE AQUI E OUÇA

Todo ano, no verão
A estória se repete
Na primeira chuva forte
São Paulo vira uma enchente

São pobres perdendo casas

Avenidas alagadas
Meninos nadando em poças
As cenas mais bizarras

Aí nosso bom prefeito

Interrompe seu rodízio
E todo bom cidadão
Vai andar de carro anfíbio

Um esperto burocrata
Tem brilhante solução
Fazer desassoreamento
Construir um piscinão

E nem bem começam as obras

Surrupiam um milhão
E vão entupir bueiros
Numa próxima eleição

Se o lixo é sempre o mesmo
Os insetos sem asinhas
Passeiam de helicóptero
Apreciando a tardinha

namaste

2 comments:

Jalves said...

No motor de busca do Googol escreve Zeca Afonso e terás um pedaço da sua vida e obra,
Zéca era uma pessoa de luta social pelos desfavorecidas da vida, com suas letras e musicas e a sua imsseparavel viola. Um amigo na grandeza da palavra.

Um abraço deste lado do mar.

Pituco said...

obrigado pela indicação do site.Oportunamente,irei acessá-lo...namaste